Autor

Sobre esta ideia

Cada sistema de AQS, aquecimento de águas quentes sanitárias, tem as suas vantagens e desvantagens. Uns são mais caros ou mais baratos no momento da aquisição mas depois ficam mais caros com os gastos energéticos e a manutenção. Outros são de modas e prometem revoluções que nunca chegam a acontecer.

Vamos tentar descrever as vantagens e desvantagens de cada sistema:

1. Caldeira a Gás - dizem os entendidos que se tiver gás natural à sua porta este é o sistema de AQS mais económico e relativamente ecológico. As novas caldeiras a gás têm eficiências notáveis mas são relativamente caras. As caldeiras têm mais potência que um esquentador e conseguem aquecer maiores caudais de água, logo dão para banhos simultâneos e até para aquecimento de piso radiante e radiadores

2. Caldeira a Gasóleo - praticamente já não se vendem e pela elevada poluição e consumos que causam já não são uma opção a considerar

3. Esquentador a Gás - mais económico que a caldeira, tem um caudal de água quente reduzido, daí a noção de não usar muitas torneiras de água quente em simultâneo ou abrir a água fria senão apanha-se um choque no banho. São económicos sim, mas mais indicados moradias pequenas e requerem planificação na hora de tomar banho e usar a água quente em várias torneiras em simultâneo

4. Cilindro Elétrico - o cilindro de acumulação elétrico pode funcionar em casas pequenas, tipo T0, T1 ou T2. Uma pessoa gasta em média 40-50 litros de água por duche, com esses valores pode dimensionar o seu cilindro para duches consecutivos. São muito económicos na aquisição mas o gasto de eletricidade é relativamente alto comparado com uma bomba de calor

5. Bomba de Calor - a bomba de calor é o sistema mais utilizado hoje em dia, com eficiências energéticas notáveis e retornos de investimento interessantes. O inconveniente destes sistemas é o seu elevado custo de aquisição e a necessidade de manutenção especializada e os seus sistemas eletrónicos. Escolha marcas boas e fiáveis, como na compra de um automóvel. Combinada com painéis solares fotovoltaicos bem dimensionados pode ser completamente autosuficiente energéticamente

6. Painéis Solares Termodinâmicos - os painéis solares termodinâmicos com cilindro tem umas serpentinas no interior onde circula um liquido que é aquecido pela acção do sol. Esse líquido por seu turno circula numa serpentina que entra no depósito de acumulação de água e aquece a água. O sistema é eficiente energéticamente, embora funcione melhor em dias de sol. Em dias nublados ou de chuva a água do depósito tem de ser aquecida com uma resistência elétrica à semelhança de um cilindro, sendo pouco eficiente. A manutenção destes sistemas deve ser frequente, pelas elevadas temperaturas e pressões que os painéis e os líquidos atingem. Informe-se bem dos custos de manutenção e da eficiência anual do sistema para perceber se vai poupar no longo prazo

Informe-se com picheleiros e lojas de materiais sobre mais vantagens de cada sistema.

 

Inicie sessão ou registe-se para fazer comentários.